segunda-feira, 24 de setembro de 2007

Boletim fim dos Tempos: Arqueologistas encontram pedreira do 2º Templo


Uma pedreira antiga, aonde os trabalhadores do Rei Salomão extrairam grandes pedras de granito de alta qualidade para a construção do 2º Templo, incluíndo o muro oeste, foi descoberto em Jerusalem, conforme anuncio do Ministério de antiguidades do Israel, neste domingo.

A pedreira, que fica localizada 4 kilometros à noroeste da cidade velha de Jerusalem, proximo ao bairro de Ramat Shlomo, foi usada à 2,000 anos atrás por dezenas de trabalhadores do Rei Herodes, durante a construção dos muros externos do Templo, disse o arqueologista Yuval Baruch.

O local foi encontrado por acaso, durantes os trabalhos iniciais de prospecção para a construção de uma escola municipal.

Dezenas de pedreiras já foram encontradas em Jerusalem - incluindo algumas maiores do que esta encontrada agora, mas esta é unica que os arqueologistas encontraram que apresenta provas de que foi utilizada na construção do Templo.

Durante o periodo do Segundo Templo, os dirigentes da cidade escolheram pedras de alta qualidade para a construção dos prédios nacionais, utilizando duras camadas de granito, chamado em árabe de malakeh (do hebreu malkhut ou realeza) devido à sua beleza e qualidade.

"A pura pedra branca da pedreira, a qual lembra o mármore, e os seus enormes blocos, de 5 à 7 toneladas" são sem precedentes e similares àqueles do Templo do Monte.

O uso dessas gigantescas pedras de alta qualidade durante a construção do complexo do Templo
foi o que manteve a estabilidade da estrutura durante milhares de anos, sem a necessidade do uso de argamassa ou cimento.

0 comentários: